segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Sem querer

O contorno dos pés
recortava a imagem
do abismo

Permitiu-se a leveza
típica dos sonhos:
atirou-se

Acordou.

O filho miúdo sufocado
pela sua carne

Um choro de mãe
inconsolável

Fim de história.

Um comentário:

Adriane B. disse...

Chega a doer, Anderson. Chega a doer. Adriane.